quinta-feira, 10 de setembro de 2015

VOCÊ SABE O QUE É UMA AÇÃO?

Conversando com algumas pessoas, nos últimos dias, tenho percebido que, apesar do interesse em investir seu capital na Bolsa de Valores, falta-lhes o conhecimento de conceitos básicos. Pensando nisso, resolvi escrever este artigo.
Para se ganhar dinheiro, quer seja na Bolsa, quer seja com qualquer outra espécie de investimento, faz-se necessário primeiramente entender as premissas básicas do mercado no qual se pretende investir. Em que ele se baseia? Como ele funciona? Quais seus custos? Quais os prós e os contras deste mercado?
Isso tudo pode parecer básico e realmente o é. Entretanto, o sem número de investidores que perdem dinheiro em tal mercado nos faz crer que muitas vezes as perguntas acima não foram respondidas antes de se iniciar no mundo dos investimentos.
Uma ação nada mais é do que a menor fração de uma empresa. Ou seja, no momento em que você adquire uma ação de determinada companhia, você passa a ser sócio dela, tendo direito a receber seus dividendos, caso a empresa dê lucro e beneficiando-se da valorização das ações, caso isso ocorra.
Ainda não entendeu? Utilizemos um exemplo hipotético. Suponhamos que eu tenha uma padaria e queira me desfazer de parte daquele negocio. Neste caso, posso dividir a padaria em 100 cotas iguais – ou 100 ações – e cada cota correspondera a 1% da padaria. Se eu vender 50 ações, estarei me desfazendo da metade do meu negócio e o novo sócio terá direito a 50% dos lucros – ou eventuais prejuízos – da organização.
As ações da Petrobras, Vale, Banco do Brasil e outras são exatamente iguais as da minha padaria. Elas representam uma fração dessas empresas. Porém, por se tratarem de grandes corporações, o número de ações e os valores negociados são bem superiores a de uma simples empresa privada. Financeiramente, não podemos comparar uma empresa que fatura bilhões de reais, tem dezenas de milhares de funcionários com uma simples loja de esquina. Mas em se tratando da lógica por trás do negócio, o funcionamento é exatamente o mesmo. Ter uma ação de uma padaria te torna sócio da padaria e ter uma ação da Petrobras te torna sócio da Petrobras.
A grande diferença, neste caso, é que, em se tratando de uma empresa listada na Bolsa de Valores, você não irá responder por eventuais prejuízos, por se tratar de uma Sociedade Anônima. Diferentemente do que ocorre em uma Sociedade Limitada, por exemplo.
Além disso, quando você é sócio majoritário de um negócio, independentemente de qual seja ele, é bem provável que você precise atuar no dia a dia da empresa para fazer as coisas acontecerem, afinal, a sua empresa depende de você.
Tirando essas nuances que diferenciam uma grande empresa de uma empresa menor, uma ação possui o mesmo significado em ambos os casos, te tornar sócio de um negócio e poder se beneficiar com o crescimento dele.

Samuel Magalhães é Consultor Financeiro, Palestrante, fundador do Portal www.invistafacil.com e do instagram @oinvestidor.

# Compartilhar :

Tecnologia do Blogger.